fechar× Entre em contato (71) 3480 8150 / Whatsapp (71) 98193 4241

Startup de franquia mira expansão na Bahia

Criada em 2017, a startup especializada em soluções para o mercado de saúde e de seus profissionais, Rede 10 Saúde, anunciou recentemente um projeto de microfranquia, com planos de expansão para diversas cidades brasileiras, começando pelo estado da Bahia. A franquia mira em cidades do interior com mais de 200 mil habitantes, como Feira de Santana e Vitória da Conquista, mas tem prioridade pela capital Salvador. A meta da empresa é fechar o ano de 2018 com 10 unidades franqueadas na região e crescer 100%.

“A Bahia tem muitos pontos importantes para expandir e o mercado possui o grande potencial para os negócios da empresa. Para ter ideia, a Bahia possui 20.708 médicos para atender 15,3 milhões de habitantes. Ou seja, há 1,35 médicos para cada mil pessoas, enquanto a média nacional é de 2,18 profissionais para a mesma demanda, segundo a última pesquisa 'Demografia Médica', de 2018”, comenta o diretor de expansão da Rede 10 Saúde, Corintho Júnior.

O gestor chama atenção para o cenário baiano que, segundo ele, tem um mercado amplo para atuação do modelo de negócio e pode gerar alta rentabilidade para o franqueado que quiser investir. “Em razão no salto em profissionais da saúde que atuam no estado da Bahia, a startup de franquia se torna rentável e mais atrativa para o franqueado. Por exemplo, com uma carteira de apenas 100 clientes, ele terá uma receita mensal de R$6 mil. Com 200 clientes na carteira, o franqueado terá uma receita mensal recorrente de R$12 mil”, revela.

Na prática, o negócio funciona da seguinte forma: o papel do franqueado é buscar, dentro do seu território, profissionais como dentistas, fonoaudiólogos, ginecologistas, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, óticas, farmácias, cuidadores de idosos, entre outros, para se associarem à plataforma Omnichanel da Rede 10 Saúde, que é dedicada a conectar especialistas a clientes e pacientes, e potencializar os seus negócios.

Para o público, a rede disponibilizará sua plataforma tecnológica, que funciona como marketplace, para encontrar o médico ou a clínica, de acordo com a especialidade procurada, e ainda ter direito a descontos de produtos e serviços de empresas parceiras, das áreas de saúde e bem-estar. Já para o profissional, ele terá seu cadastro na plataforma e receberá suporte para aprimorar a gestão do negócio e criar a melhor solução para atender os seus clientes, a fim de fidelizá-los. Neste caso, o profissional de saúde paga uma mensalidade de R$99.

“Nosso modelo é diferenciado, pois procura um investidor por cidade. Ou seja, cada franqueado tem exclusividade total no seu território de atuação, recebe lucro sobre todos os negócios gerados dentro do seu local, independentemente de como a venda foi feita (Google, Facebook, Call Center, visita porta a porta, indicação de outro cliente, etc.). Além disso, não necessita de ponto comercial e nem de funcionários, e ainda proporciona receita mensal recorrente e horário de trabalho flexível”, afirma o diretor de expansão da marca.

ADESÃO
De acordo com a startup, o projeto conta com profissionais com mais de 20 anos de experiência, nos setores de tecnologia e franchising; suporte para os franqueados, por meio de material publicitário; treinamentos presenciais e a distância, além de investimento em mídia e tecnologia.

A marca oferece microfranquias com investimento inicial a partir de R$ 14 mil, e o valor pode ser financiado em até três vezes. O prazo de retorno é de 10 meses, com faturamento mensal estimado em R$12 mil, após um ano, e royalties mensais fixos de R$900.



Link para se filiar
https://rede10saude.com.br/filie-se/agora/mais-clientes

Link da franquia
http://www.startupfranquia.com.br

Os interessados devem se cadastrar no site www.startupfranquias.com.br para receber todas as informações. Leia a revista
Redação, 24.AGOSTO.2018 | Postado em Startup

Carregando...