fechar× Entre em contato (71) 3480 8150 / Whatsapp (71) 98193 4241

O uso de drones na construção civil

Todos os dias ouvimos falar dos famosos drones, veículos voadores não tripulados ou aeronaves sem piloto embarcado, usadas na maioria das vezes para fazer imagens aéreas, para coberturas jornalísticas, shows ou, ainda, utilizadas para divertimento pessoal. 
Com a aplicação de drones em diversos setores da economia, a corrida por novas tecnologias se torna acirrada entre os principais fabricantes, assim, a cada dia descobrimos uma função nova para os “brinquedinhos”, que nunca decepcionam, como na agricultura onde se monitora a plantação de forma mais rápida e produtiva. Na segurança pública eles são essenciais, pois, conseguem monitorar o trânsito e eventos com elevada quantidade de pessoas, por exemplo. 

Na engenharia civil, apesar do retraído uso, essa nova tecnologia chega trazendo muitos benefícios para construtoras. Sua utilização vai desde estudar a topografia do lugar, identificando acidentes topográficos do terreno, como monitorar o andamento da construção de um empreendimento em seu canteiro de obras. 

Com o baixo custo de operação e mão de obra, os drones ficam com seu mercado competitivo. Há um tempo atrás, para fazer um estudo da topografia de um lugar era necessário o uso de aviões, helicópteros e pilotos qualificados, ou seja, o custo de uma inspeção desse tipo era muito elevado. Inspecionar grandes estruturas também já é realidade e a grande vantagem é que o trabalho é realizado com 100% de segurança, evitando o uso de profissionais em rapel, andaimes e escadas, pois só é necessário um profissional que consegue ficar no chão sem correr risco algum. 

Com os drones, os estudos de casos no concreto, além de mais baratos, se tornam mais precisos, já que esses veículos conseguem voar baixo e têm suas câmeras com alta resolução, assim, conseguindo observar mais detalhes, além das câmeras especiais, com sensor termal, por exemplo, que conseguem enxergar possíveis patologias no concreto, através do calor que é provocado por alterações em suas propriedades, mostrando a competência que esses aliados podem trazer para a construção civil. 

Por Diego Epaminondas  Leia a revista
Convidado, 05.DEZEMBRO.2017 | Postado em Convidado

Carregando...